Make your own free website on Tripod.com

< História de Anos Atrás... >

 

Algumas datas importantes...

1642 - O matemático francês Blaise Pascal monta uma máquina de calcular dotada de um sistema de rodas dentadas, o primeiro avanço significativo do cálculo mecânico depois do Ábaco, criado em 500 a. C.
1831 - Michael Farady cria o gerador elétrico, e Joseph Henry o motor elétrico.
1876 - Alexander Graham Bell inventa o telefone.
1877 - Thomas Edison inventa o fonógrafo e grava sons.
1946 - John Willian Mauchly e John P. Eckert Jr. projetam o primeiro computador totalmente eletrônico, batizado de Eniac.
1960 - São lançados os circuitos integrados, ou chips.
1969 - A Arpanet, precursora da Internet, é ativada.
1970 - É criada a Fibra Óptica.
1981 - A IBM lança o Computador Pessoal, mais conhecido como PC.
1983 - Em Março de 1983, É lançado o PC/XT que é uma melhoria e ampliação do PC.
1984 - Em Março de 1984, É lançado o precursor dos Laptops e dos Notebooks, o PPC (Portable Personal Computer), pela IBM.
1984 - Em Agosto de 1984, É lançado o PC/AT 286.
1987 - Em Abril de 1987, É lançado o PS2/386.
1989 - Em Abril de 1989, É lançado o 486, que tudo mais é um 386 melhorado.

 

Até pouco tempo, os microcomputadores somente trabalhavam com um byte (8bits) de cada vez (para fazer cálculos, comparações etc.), e por isso são chamados de micros de 8bits. Atualmente, já são utilizados microcomputadores que operam com 16bits (2bytes), e até 4bytes por vez, denominados de 32bits.

CLASSES DE MICROCOMPUTADORES

Introdução

O Primeiro microcomputador de 8bits foi criado na década de 70, nos Estados Unidos, com a marca APPLE. Estes tinham uma memória de 16kbytes de capacidade, com possibilidade de expansão até 64kb. Depois vieram os micros criados pela IBM, da linha PC (Personal Computer), os quais possuíam 252kb de memória, podendo ser expandida para 512, 640 ou mais, de dois drives. Em seguida, devido à baixa capacidade de armazenamento dos disco flexíveis, foram criados os microcomputadores da linha PC/XT, os quais tinham em seu hardware um disco rígido (winchester), com capacidade mínima de 10mb, tendo outras versões de 20, 30, 40, 80 ou mais megabytes.

Micros PC compatíveis

São os microcomputadores compatíveis com o IBM-PC norte-americano, o micro de maior sucesso nos últimos anos no mercado mundial e internacional. Juntamente com o Macintosh, tem sido o introdutor de novos recursos e de uma filosofia de utilização de software com programas cada vez mais sofisticados e tecnologicamente complexos.

A família dos PCs

PC(Personal Computer): Em agosto de 1981, com base no microprocessador Intel 8088, era lançado pela IBM o primeiro PC do mercado, com velocidade de 4,7mhz (megahertz).

PC/XT(eXtend Technology): Em março de 1983, o PC foi melhorado e ampliado, podendo endereçar até 1mb, usa microprocessadores 8088 e 8086 fabricados pela Intel. O processamento ocorre com blocos de 16bits ou seja, 2bytes de cada vez. Mais tarde, ganhou também um disco rígido de 10mb.

PPC(Portable Personal Computer): O mercado de computadores portáteis teve inicio com o lançamento, em março de 1984, pela IBM. Pesava 13,5kg, possuía tela acoplada de 9 polegadas, gabinete juntamente com o teclado reduzido.

PC/AT 286(Advanced Technology): A grande inovação da época também veio através da IBM, em agosto de 1984, com a utilização do microcomputador Intel 80286 (oitenta, dois-oito-meia), com 32bits e um co-processador aritmético Intel 80287, que operava com velocidade de 6mhz. Seu microprocessador permitia a criação de uma memória virtual, ou seja, o usuário teria a impressão de que a memória era maior do que realmente teria capacidade. Outra novidade neste equipamento foi a possibilidade de acoplar disquetes de alta densidade que possuíam capacidade de armazenar 1,2mb; permitia também o uso simultâneo de mais de um programa (multitarefa).

RISC(Reduce Instruction Set Computer Technology): Com este lançamento, em março de 1986, o número de instruções para a sua execução foi reduzido usando o microprocessador 80186, que permitia uma enorme diminuição de volume e peso, mesmo mantendo uma configuração forte. Era considerado realmente portátil com 5,45kg, duas unidade de disquetes de 3,5", com capacidade de 720kb e memória RAM de 256kb, que podia ser expandida até 512kb. Tela de Cristal Líquido (LCD) de 80 colunas por 25 linhas, bateria que permitia seu uso por até 10h, sem realimentação elétrica e impressora própria acoplável.

PS/2 386: Com uma linha totalmente nova, a IBM, em abril de 1987, lançou o PS/2, com processador 80386, operava em 32bits e clock de 20mhz. Com performance excepcional, este micro poderia ser utilizado até como uma estação de trabalho, ou, como é mais conhecido, Workstation, com outros terminais ligados em um único lugar. Para a época, possuía uma velocidade enorme, e maior ainda sua capacidade de armazenamento.

486: Em abril de 1989, tivemos o lançamento do microcomputador com processador Intel 80486, o qual poderia ser definido como um 386 muito melhorado. Aqui, não tivemos uma mudança de conceito, mas uma melhoria na arquitetura do 386. Sua capacidade de processamento chega na casa dos 20mips, o que é equivalente a 20 computadores de grande porte.

586 e 686: Estes são os atuais